quarta-feira, 28 de maio de 2008

Mr. Fart disse:

"Hm... Camões diz assim: "É assim que vida, e alma, e esperança,/e tudo quanto tenho, tudo é vosso,/e o proveito disso eu só o levo,/porque é tamanha bem-aventurança/o dar-vos quanto tenho e quanto posso,/que quanto mais vos pago, mais vos devo."
Eu já tinha escrito isto no seu blogue? Se sim, perdoe-me, mas o amor é mesmo um troço ingrato e gratificante, ao mesmo tempo. Parece que nos gratifica com a ingratidão e nos fortifica com o enfraquecer-nos."



Fui obrigada colocar seu comentário em destaque. Coisa mais linda isso...

3 comentários:

Mr. Fart disse...

Menina! Acabei de passar lá na Gê, e agora vim para cá. Não sabia que havia sido mencionado assim tão escancaradamente! Hahahaha
Na verdade, vim para dizer que escrevi umas palavrinhas específicas para você e para a Gê, lá no "À Sombra", mas que bem se aplicam a mim... e agora fiquei sem jeito! Obrigado mesmo, Fernanda!
Abração!

Amèlie disse...

Olá, Dra Repolha

conhecendo o seu espaço e ficando só na superfície, aqui está cochichando, Drummond no meu ouvido:

Amélie,
O amor é bicho instruído!

Gostei daqui!
Beijos

Cris disse...

Olá!

Seja sempre bem-vinda!

Amei tbm seu cantinho!

beijos