terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Ah! Se ele soubesse...

Já perdi a conta de quantas vezes fiquei ali, em frente ao computador, pensando num assunto para falar com ele. Os minutos vão passando, vai ficando tarde, e nada... Eis que de repente passam mil coisas pela minha cabeça, dá até para enumerar os assuntos... mas daí ele está ocupado ou ausente, e mesmo quando on-line fico com medo de atrapalhar, de ser chata ou inconveniente. Tempos depois ele puxa papo, às vezes só no outro dia, pergunta se estou zangada com ele, e comenta que estou muito "quieta".
Bom, agora acho que ele já sabe.

Um comentário:

Kelly Jessie disse...

...é, agora ele sabe! rsrs