segunda-feira, 27 de julho de 2009

Os dias se arrastam rapidamente.
Velocidade. Tédio. Desespero.
Tudo tão perto. Tão longe.
Tão fácil. Tão difícil.
Estou cansada demais para esperar.
Cansada demais para desistir.
Algo se perdeu...
Ou fui eu que me perdi?




"Fico acordado noites inteiras
Os dias parecem não ter mais fim
E a esfinge da espera
Olhos de pedra sem pena de mim"
Paralamas do Sucesso

3 comentários:

Cáh! disse...

as vezes tenho a sensação de ter sido eu a me perder tambpem...

perfeito!

Jessica. disse...

adoooooooro a musica!

Fernando Shook disse...

Não perdestes nada, apenas vive a existência, com altos e baixos, assim é, já pensastes na delicia de se reencontrar, novamente amar, as cores voltar, e feliz estar.
Amiga, feche os olhos e viva o sonho dos inocentes, acreditando que amanhã será melhor e assim será. Boa noite