sexta-feira, 21 de novembro de 2008

"Não quero sugar todo o seu leite
Nem quero você enfeite do meu ser
Apenas te peço que respeite
O meu louco querer


Não importa com quem você se deite
Que você se deleite seja com quem for
Apenas te peço que aceite
O meu estranho amor
"

Um comentário:

Lilian Jacksa Villalba disse...

Me arrepiei, poucas palavras porém profundo.