sábado, 24 de janeiro de 2009

Sobre a saudade

Não é para ser um texto triste. Nem tampouco passou-me pela cabeça escrever versos melancólicos. Eu vou falar sobre saudade. Saudade sem tristeza, sem lágrimas, sem interrogações. Saudade apenas. Porém um tipo de saudade diferente da normal. Falo em saudade daquilo que nunca foi seu. Saudade de um beijo que não aconteceu. Saudade de um abraço que ele não lhe deu. Saudade de longas e divertidas conversas que você tanto esperou e que não aconteceu. Saudade daquele filme que vocês não assistiram juntos. Saudade do perfume que você nunca sentiu o cheiro... Mas ainda saudade. Saudade apenas.

4 comentários:

Anônimo disse...

FFFFFFFÊÊÊÊÊÊÊÊÊ....

SUA SAUDADE ACABA AQUI CHEGOU QUEM ESTAVA FALTANDO.... AMO VC!!!
E POR FALAR NISSO QUEM É ESSE "SUPER GÊMEO" SEU.....
BOM FINAL DE SEMANA....
BJS.... MAIS BJS.... TE AMO

Kelly Jessie disse...

Seu post me fez chorar...rsrs

Não foi culpa sua, mas é que neste momento a pessoa que mais amo depois da minha família acaba de embarcar para SP. E sinto saudade dos beijos dele, saudades do abraço quente e suave, saudade das conversas bobas, saudade dos filmes que assistimos juntos, saudades do cheiro do perfume dele que ainda está em minhas roupas...muita muita saudade mesmo!

Aiiii

Dra. Repolha disse...

Bom Kelly!
Está tudo bem em chorar... ao contrário do que dizem sobre rugas e tal, chorar faz bem, alívia a alma, acalma o coração. Mas lhe digo uma coisa, de experiência própria, sinta-se feliz, pois os beijos dele foram seus e o perfume dele ainda está em sua roupa... Isso prova que você foi dele e ele foi seu. Ah! Quem me dera apenas por uma vez sentir o cheiro dele, acariciar-lhe os cabelos... beijar a boca dele...ai, ai!(suspiros!)

Kelly Jessie disse...

Ahhhh...estou menos triste hj. O bom é que sinto saudade de momentos bons, vividos de verdade e não daquilo que apenas sonhei. E como diz vc, sei que ele é meu... e penso que como somos jovens, um relacionamento a distância não vai ser fácil, mas um teste para o nosso amor, um amor baseado em confiança, maduro...sei que somos capazes disso.

:)

Obrigada!

Beijinhos!